Sonhos, liberdade financeira e lições da raposa e do Pequeno Príncipe

Dedicação, tempo e talento são condições importantes para alcançar seus objetivos?
 
Que tal uma pequena reflexão sobre eles à luz de alguns ensinamentos da raposa, da rosa e do Pequeno Príncipe?
 
E um bônus: uma estratégia vencedora para alcançar seus sonhos por meio da conquista da liberdade e independência financeira.

 
Os sonhos precisam de um meio para realizar-se: a liberdade/independência financeira. E a carteira de investimentos com Alocação de Ativos, a melhor solução.


O assunto da liberdade financeira encontra-se em evidência nos últimos anos. Vejo um aumento considerável de pessoas interessadas no assunto, seja no crescimento da lista dos leitores desse blog por e-mail ou nos inúmeros grupos que se multiplicam nas redes sociais.

Um debate comum em blogs da área é sobre o significado do termo “independência financeira”. É possível teorizar sobre algumas particularidades e diferenças entre a estabilidade, a independência e a liberdade financeira, como fiz no artigo “
Como saber se você chegou na sua independência financeira. Matematicamente”.

A ideia nesse texto, entretanto, é buscar o que está além dessa liberdade, não confundindo meios com fins.
Essa ideia ficará clara a cada exposição sobre as premissas necessárias para alcançar todos os propósitos que desejem conquistar. Adiante!

 

A dedicação

 
Os sonhos precisam de um meio para realizar-se: a liberdade/independência financeira. E a carteira de investimentos com Alocação de Ativos, a melhor solução.


Cativar e ser cativado por algo não é algo trivial. Pode ser mais fácil comprarmos ideias prontas e não pensarmos adequadamente em nossos sonhos de uma forma pessoal. Sonhos não podem ser vendidos. Sonhos são individuais e devem nos seduzir para que possamos procurar os meios para atingi-los.

Lembram do que a raposa disse ao Pequeno Príncipe? “Cativa-me (…) É preciso ser paciente. Tu te sentarás primeiro um pouco longe de mim, assim, na relva. Eu te olharei com um canto de olho e tu não dirás nada (…) Mas a cada dia, te sentarás mais perto.

Assim devemos ser com nossas metas. Precisamos dedicar atenção aos nossos desejos e pintar o quadro de nosso futuro. E precisamos ser cativados por esse destino. Alcançar nossas aspirações talvez seja a atividade mais prazerosa que podemos praticar em vida, principalmente quando colhemos essas realizações através de um cultivo cuidadoso.

A construção dos sonhos, quando coordenada passo a passo, dia a dia, com corretas doses de diligência, atenção e carinho, torna-se algo inerentemente seu e, consequentemente, muito especial.

Pense um pouco nas conquistas que obtive em sua vida. Alguma delas ocorreu sem dedicação? É verdade que você pode ter recebido algo inesperado que não necessitou de uma demanda pessoal. Mas será que você consideraria isso realmente uma conquista? Se realmente confia em seu protagonismo para mudar o que pode ser mudado no intuito de alcançar seus objetivos, acredito que não.

Dedicação, ou esforço, devem fazer parte do caminho que pavimenta a sua vitória. Ambos exigem, por sua vez, determinação. Ou ainda, foco nas suas atividades. Não dar os créditos devidos para a necessária coerência no envolvimento entre nossos pensamentos, nossas atitudes e nossos objetivos é condenar nossos sonhos ao fracasso. É não cativar e não ser cativado por um anseio que poderia tornar sua vida mais feliz.

O Pequeno Príncipe entendeu o recado da raposa quando disse ao jardim de rosas: “Minha rosa (…) Ela sozinha é, porém, mais importante que vós todas, pois foi a ela que eu reguei. Foi a ela que pus sob a redoma. Foi a ela que abriguei com o pára-vento. Foi dela que eu matei as larvas (…) Foi a ela que escutei queixar-se ou gabar-se, ou mesmo calar-se algumas vezes. É a minha rosa.

O tempo

 
Os sonhos precisam de um meio para realizar-se: a liberdade/independência financeira. E a carteira de investimentos com Alocação de Ativos, a melhor solução.


Imagine essa rosa como sendo o seu sonho, ou ainda, o fim que deseja colher no futuro. Ambos cativaram um ao outro. O que essa rosa representaria? Antes da resposta, acredito que você concorde que, para colhê-la de forma plena no futuro, é necessária total dedicação, suprindo-a com água, alimento e cuidado no tempo presente.

Ainda com os ensinamentos do Pequeno Príncipe já dizia: “Foi o tempo que dedicaste à tua rosa que a fez tão importante…”.

É inevitável que a dedicação no cultivo de um projeto necessite de tempo para ser efetiva. Ambos estão relacionados e caminham lado a lado durante o trajeto. Mas como quantificamos esse tempo? Afinal, o tempo pode ser considerado um dos bens mais importantes que possuímos na vida. Não podemos usá-lo indiscriminadamente…

Mas aqui estamos falando de liberdade financeira, não? A conquista da liberdade financeira envolve algo fantástico: ela pode comprar o seu tempo. Ou em outras palavras, você não precisa vendê-lo para ninguém, exceto à sua liberdade para exercer suas aspirações.

Lembre-se que a nossa rosa é o nosso fim! Qual seria o SEU fim? Aquela viagem sempre adiada? A concretização de uma vida de conforto em família? Viver em plena saúde até o final de nossas vidas? Doar e doar-se a outras pessoas?

Será que o mais importante não seria dispor de tempo para poder dedicar-se a tudo isso conjuntamente? Imagine a liberdade de não possuir patrões ou um emprego fixo, liberando esse bem precioso, o tempo, e permitindo a realização de todos os seus sonhos e desejos mais profundos!

O objetivo então, é trazer esse tempo de volta. Um tempo que, antes da corrida de ratos, era mais “nosso”, e não dos “outros”. Com ele, estamos livres para empreendermos quaisquer propósitos pessoais, seja em benefício de nós próprios ou de outras pessoas. Melhor ambos.

O talento

 
Os sonhos precisam de um meio para realizar-se: a liberdade/independência financeira. E a carteira de investimentos com Alocação de Ativos, a melhor solução.
 


A diversidade de alvos que miramos durante a vida é enorme, mas o sucesso em alcançá-los pode ser prejudicado pela falta de uma mínima competência em lidar e gerenciar mais eficientemente sua renda e seu patrimônio, que ao final, serão os fornecedores do tempo que desejamos.

Se a rosa é o sonho, o fim, a combinação da dedicação, através de seu tempo, é imprescindível para colhê-la sadia no futuro. E para isso é necessário usar o seu talento em planejar minimamente o bom uso desses recursos. Esse tripé será o responsável, o provedor dos meios, para alcançá-la.

Não podemos perder de vista que as conquistas demandam um método em que nosso protagonismo e responsabilidade, constituídos de nossas próprias ações e decisões, possuem crucial representatividade. Vamos mais a um ensinamento da raposa ao Pequeno Príncipe? “Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas. Tu és responsável pela rosa…

Angela Duckworth, autora do livro “Garra: o poder da paixão e da perseverança”, cuja resenha pode ser lida no ótimo blog Valores Reais, teoriza sobre esses termos de uma forma um pouco diferente, mas não destoando do conceito geral. Segundo ela, adquirimos habilidade com a aplicação do esforço e do talento. Esforço aqui poderia ser entendido, neste texto, como uma combinação do tempo destinado à sua dedicação. Finalmente, o êxito seria o resultado dessa habilidade adquirida com o mesmo esforço.

Ou em suas palavras: “O talento é a rapidez com que as habilidades de uma pessoa aumentam quando ela se esforça. Êxito é o que acontece quando essa pessoa utiliza as habilidades adquiridas.” Ou seja, a dedicação e o tempo valem mais do que simplesmente o talento, pois são envolvidos duplamente na equação.

O talento não deve ser pensado apenas, entretanto, como uma característica nata de uma pessoa. Nele, está também imbuído o bom senso de fazer escolhas corretas. Até em escolher caminhos menos complicados, mas eficientes. Precisamos, assim, possuir uma estratégia onde o nosso tempo não seja concentrado demasiadamente no método. Devemos manter as coisas simples, para que nosso tempo seja dedicado mais aos fins do que aos meios.

O método de Alocação de Ativos

 

Os sonhos precisam de um meio para realizar-se: a liberdade/independência financeira. E a carteira de investimentos com Alocação de Ativos, a melhor solução.


Como visto, podem existir atalhos que nos dispensem de pensar sobre o assunto. Herdar um patrimônio, ou ganhar um prêmio de loteria, ou mesmo casar com alguém abastado poderiam suprir os meios necessários aos nossos sonhos. Não nos dariam um sentido total de realização, embora fôssemos desafiados na arte de não perder o capital, que também é importante. Essas alternativas, porém, são uma realidade distante para a esmagadora maioria das pessoas.

Desta forma, precisamos, assim como o início de um novo amor, de um período de conquista, de intimidade, que, bem feito, propiciará a confiança na colheita de nossos sonhos adiante. Construir a base de sua independência financeira e vê-la frutificar no futuro é um dos melhores resultados que um método pode fornecer a vocês para alcançarem a liberdade.

A boa notícia é que não é difícil colocar esse método em ação. Criar uma carteira de investimentos baseada na alocação de ativos, promove uma disposição mais inteligente de seu patrimônio financeiro e é tão versátil quanto seus objetivos. É um método simples, de fácil aplicação e onde, posicionando-se do lado correto do sucesso, no momento certo, previnem-se grandes riscos. Um grande adágio já dizia que “a direção é mais importante que a velocidade”.

Ou seja, nossos triunfos estão intimamente ligados às nossas entregas. Para colher um futuro desejado, você precisará usar no presente uma combinação de dedicação, tempo (esforço) e um pouco de talento para fazer as melhores escolhas. A sugestão que faço a você, que deseja começar sua trajetória para a liberdade financeira – o meio para alcançar seus sonhos, é montar uma carteira de investimentos baseada na Alocação de Ativos.

Para isso, convido-os a ler o seguinte artigo onde explico passo a passo como organizar e compor sua carteira de investimentos: “A Alocação de Ativos ao alcance de todos”. Dúvidas sobre o assunto, podem ser expostas nos comentários do artigo, como já fizeram vários leitores.

Para ver o método funcionando na prática, veja como orientei minha filha a iniciar o seu portfólio. No texto há uma planilha para auxílio e links para as atualizações da carteira.

Considerações sobre esse texto serão sempre bem-vindas nos comentários abaixo. Boa jornada a todos!

* * * * * * * * * *


Sobre tempo, trabalho, escravidão e outras reflexões, vale a pena visitar esse artigo: “Investimentos: uma viagem lenta à liberdade e independência financeira?

 
Veja mais artigos sobre investimentos e finanças nessa página.
* * * * * * * * * *
 
 
 

* * * * * * * * * *


Gostou do artigo? Conhece alguém com quem gostaria de dividi-las? Compartilhe-o em suas redes sociais!

One thought to “Sonhos, liberdade financeira e lições da raposa e do Pequeno Príncipe”

  1. Pessoal, segue o link de parte dos comentários no Disqus, que não migraram para a plataforma WordPress mas continuam em sua plataforma. Muitos, nem na plataforma estão mais…

    https://disqus.com/home/discussion/viagem-lenta/sonhos_liberdade_financeira_e_licoes_da_raposa_e_do_pequeno_principe/

    Se desejarem ler mais sobre o assunto, ou comentar com sua conta Disqus, ou ainda, se tiverem conhecimento desse bug de migração e quiser ajudar, é só enviar um email para mim.

    Obrigado!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.