Onde investir em criptomoedas (bitcoins e demais)?


Deseja começar a investir no mercado de criptoativos? Veja aqui um resumo para decidir onde investir em criptomoedas! Corretoras no Brasil? No exterior? Ou simplesmente escolhendo fundos ativos ou passivos em criptomoedas?


Olá pessoal! Seguindo a tendência de oferecer conteúdo relevante aos leitores (e também devido à minha falta de tempo com o blog), estou acolhendo alguns pedidos de guest-posts aqui nesse espaço.

Como já ocorreu outras vezes, costumo aceitar apenas textos que possam ser úteis aos seguidores do blog. Além disso, não há acordo financeiro. A troca envolve apenas um link para o site do editor em troca de um texto de acordo com os padrões do blog.

Dessa vez, deixo com vocês um texto de Juan, editor do portal Criptos.com.br, que fornece notícias e artigos relevantes sobre o fascinante assunto das criptomoedas. Vamos a ele!

O mercado de criptoativos cresceu muito nos últimos anos, e opções não faltam para quem deseja saber como e onde investir em criptomoedas, seja na escolha das moedas ou das plataformas de investimentos. Se você deseja começar a investir nestas moedas digitais, veja a seguir onde você pode investir seu capital de forma segura.

As criptomoedas podem ser uma ótima alternativa para diversificar a sua carteira de investimentos. Quando falamos em criptomoedas, a primeira que nos vem à mente é o Bitcoin, principal criptomoeda da atualidade que existe no mercado desde o ano de 2009. E, ao analisar o Bitcoin, podemos perceber o impacto que estas moedas podem ter em seus investimentos.

Onde investir em criptomoedas?

No ano de 2020, o Bitcoin foi um dos investimentos de maior valorização em todo o mundo, com uma alta de 303% considerando seu preço em dólar. Quando levamos em consideração o real, a alta é ainda maior, chegando a 419%. Apesar do otimismo em relação ao Bitcoin e demais altcoins para este ano, é altamente recomendado que estas moedas ocupem apenas uma pequena parcela da sua carteira.

Isso porque a moeda pode sofrer grandes desvalorizações em pouco tempo. Por exemplo, quedas de 50% no valor do Bitcoin são consideradas normais, mas poderiam afetar até mesmo a sua independência financeira caso o valor investido em criptomoedas fosse elevado. Portanto, a indicação é que você invista entre 1 e 5% em criptomoedas para não ser afetado por estas grandes quedas e, sobretudo, gerenciar seu risco de maneira adequada.

Bom, e, afinal, onde investir em criptomoedas?

Depois desta breve descrição, o próximo passo é definir onde investir em criptomoedas atualmente. Não vamos discutir quais são as melhores moedas digitais para se investir, ou abordar as vantagens e desvantagens de cada uma. Nosso foco será apresentar as opções disponíveis atualmente, e a decisão de investimento, como sempre, dependerá do seu perfil de investidor e do montante a ser investido.

Vamos então avaliar as opções disponíveis e descobrir onde investir em criptomoedas.

Exchanges de criptomoedas

Quando falamos em investimentos em criptomoedas, as exchanges são as opções mais conhecidas e utilizadas no cenário atual. As exchanges são corretoras de criptomoedas, ou seja, sua função principal é facilitar a compra, venda e troca das mais variadas moedas e tokens digitais. Desta forma, as exchanges são responsáveis pelo intermédio das transações envolvendo criptomoedas e, como cada corretora possui seu próprio livro de ofertas, os preços podem variar de uma corretora para outra, o que não ocorre para as corretoras da B3, para fins de comparação.

No Brasil e no mundo existem milhares de plataformas ofertando moedas e condições diferentes. É importantíssimo verificar a segurança da corretora, para evitar colocar em risco o seu investimento. No Brasil, temos várias exchanges de tradição e respeito no mercado que oferecem segurança no investimento em criptomoedas. Veja a seguir as principais corretoras e seus diferenciais:

Nox Bitcoin

A Nox Bitcoin é uma das melhores exchanges que atuam no mercado brasileiro, mesmo com o pouco tempo de mercado da corretora. A fintech, que atua desde julho de 2008 oferece, além de taxa zero para a realização de intermédios, estratégias e soluções interessantes para o mercado de criptomoedas, como a remuneração de carteira, capital protegido e compra de volatilidade.

BitcoinTrade

A BitcoinTrade é uma das maiores corretoras de criptomoedas do país, contando com mais de 180 mil clientes cadastrados. Além disso, a empresa conta com uma interface simples, o que facilita a utilização para quem está iniciando neste mercado.

A BitcoinTrade opera, ainda, com outras 6 moedas digitais, todas com liquidez consideradas altas, o que é explicado pelo volume de usuários da empresa. Sua única ressalva fica por conta das taxas passivas e ativas, que são altas quando comparadas às demais exchanges.

Novadax

Quando o assunto é variedade de moedas, a Novadax é uma das referências nacionais. Pertencente ao grupo Abakus, a exchange possui mais de 60 pares disponíveis, que podem ser formados a partir das mais de 20 moedas que a corretora oferece.

Apesar dos valores diferentes de taxas para cada moeda, a Novadax conta com um programa de relacionamento para seus clientes, que oferece bonificações e descontos nas taxas. Outro destaque positivo é a segurança da exchange, que possui certificado SSL A+.

Mercado Bitcoin

A Mercado Bitcoin é uma das exchanges mais antigas no mercado brasileiro, atuando desde 2011 e com mais de 1 milhão de clientes. Além disso, a Mercado Bitcoin vem sempre aumentando o seu portfólio de investimentos, o que permite aos usuários encontrar uma série de ativos em uma única exchange.

Da mesma forma que a BitcoinTrade, a desvantagem principal da Mercado Bitcoin são as taxas
ativas e passivas, também consideradas altas para o cenário atual.

Coinext

A Coinext atua desde o ano de 2018 no mercado brasileiro de criptomoedas, sendo uma das mais recomendadas para quem deseja realizar operações avançadas, como as ordens de stop-loss e trailing stop oferecidas pela exchange.

Além disso, as operações de saques e depósitos realizadas na Coinext são totalmente automatizadas, possibilitando a aprovação dos valores em menos de 10 minutos!

Claramente possuímos várias outras exchanges no cenário nacional, sendo algumas muito conhecidas pelos traders brasileiros. No entanto, as cinco exchanges apresentadas são ótimas opções nacionais para você que ainda não decidiu onde investir em criptomoedas.

Além das opções existentes em nosso país, também encontramos milhares de corretoras internacionais, atuando em diversas partes do mundo e negociando a partir do Brasil. Ao utilizar uma corretora estrangeira, você conseguirá adquirir uma variedade maior de criptomoedas, embora a maioria das moedas estrangeiras sejam negociadas em Bitcoin.

Deste modo, a maneira mais fácil de adquirir estas moedas é adquirir o Bitcoin em exchanges nacionais e, posteriormente, transferir para a corretora estrangeira. Veja a seguir algumas das principais exchanges do mundo.

Binance

A Binance é a maior exchange do mundo quando considerado o volume de mercado (de acordo com o CoinMarketCap). De origem chinesa, a Binance possui como principais diferenciais os depósitos gratuitos e a utilização de taxas padronizadas.

Como falamos anteriormente, a variedade de criptoativos é a principal vantagem das corretoras estrangeiras, e a Binance prova isso, uma vez que oferece 175 moedas disponíveis, totalizando mais de 570 pares de negociação.

Coinbase Pro

A Coinbase está entre as corretoras mais antigas e conhecidas de todo o mundo. Com sede na cidade de São Francisco (EUA), é interessante destacar que a exchange foi a primeira a se tornar um “unicórnio”.

Também como uma enorme variedade de ativos, a Coinbase também apresenta excelente liquidez, devido ao grande volume de usuários da plataforma. Para investidores que prezam pela segurança nas negociações, a Coinbase é a mais recomendada, visto que a empresa cumpre rigorosamente todos os regulamentos de segurança existentes.

Huobi Global

Fundada no ano de 2013, a Huobi Global é a terceira exchange no ranking de ativos digitais. A plataforma conta com usuários de mais de 130 países, ocupando a terceira posição também em volume de negociação.

A Huobi Global opera com mais de 300 moedas digitais, que resultam em mais de 800 pares de negociação, quantidade de pares superior à Coinbase, por exemplo.

Kraken

A corretora norte americana Kraken ocupa a quarta posição entre as melhores exchanges do mundo, de acordo com o CoinMarketCap. Também sediada em São Francisco, a empresa conta com uma interface dividida em três níveis de trading (simples, intermediário e avançado), sendo um dos diferenciais mais atrativos da empresa.

Para a versão mais avançada, a empresa conta com configurações interessantes de fechamento condicional, assim como outros tipos de ordens.

Bitfinex

Apesar de um passado de vulnerabilidade e ataques de hackers, a Bitfinex investiu em segurança e hoje ocupa a quinta colocação entre as melhores exchanges do mundo.

A Bitfinex também conta com opções avançadas para os traders, como a margin trade, por exemplo. Além disso, é detentora da stablecoin Theter (USDT). Esses fatores contribuem para a melhora no posicionamento da Bitfinex.

Destacamos novamente que, além destas excelentes exchanges existentes no Brasil e no mundo, existem muitas outras corretoras de criptoativos disponíveis. Mesmo assim, você certamente irá encontrar o que precisa nestas exchanges.

Apesar de toda a variedade de moedas que você pode adquirir em uma exchange, elas não são a única forma de investir em criptoativos. Antes de decidir onde investir em criptomoedas, há meios mais ao alcance do investidor médio que procura mais segurança.

Fundos de Investimentos em criptomoedas

Se você é um investidor com receio em investir diretamente no mercado de criptoativos, os fundos de investimento em criptomoedas são uma alternativa viável e uma realidade no Brasil, podendo investir 100% nesses ativos ou oferecer algum blend para quem não deseja ficar totalmente exposto às criptomoedas.

É verdade que cobram uma taxa de administração para isso, mas prometem um custo menor de spread na compra e venda dos ativos, o que faz com que essas taxas sejam mais do que compensadas.

Possuem ainda o benefício de “cuidar” de nosso patrimônio, uma vez que muitas pessoas resistem a investir em criptomoedas pelo fato de ter que criar uma carteira e guardar a sete chaves sua senha.

Fundos de investimentos passivos

Até o presente momento, a melhor opção para encontrar os fundos de investimentos passivos
é na Hashdex, uma gestora de ativos criada no ano de 2018. A Hashdex oferece três opções
de fundos diferentes: Discovery, Explorer e Voyager, cada um com investimento mínimo e
exposição à criptomoedas diferentes.

Por exemplo, o fundo Discovery necessita de apenas 500 reais de investimento mínimo, e possui uma exposição de apenas 20% às criptomoedas. Esta exposição é realizada através do índice HDAI (Hashdex Digital Assets Index), que foi desenvolvido pela própria Hashdex. Os 80% restantes são investidos em títulos públicos atrelados ao CDI.

Já o Voyager investe 100% em criptoativos e possui taxa de administração de 1 a 2% com toda a estrutura offshore incluída. Os fundos da Hasdex estão disponíveis nas corretoras BTG, Genial, Guide, Modal, Órama, Rico e XP.

Fundos de investimentos ativos

Outra resposta à pergunta de “onde investir em criptomoedas” sem utilizar a estrutura das exchanges é a partir da contratação de um fundo de investimentos ativo. Aplicando dinheiro neste fundo, você contratará um gestor para seu patrimônio.

Desta forma, espera-se que o gestor consiga retornos acima do que é oferecido pela média do mercado de criptoativos. Assim como ocorre para os fundos de financiamento passivos, nos fundos ativos de criptomoedas você terá taxas cobradas pelo serviço, uma vez que o gestor contratado também possui gastos.

Para isso, são cobradas taxas de administração dos recursos, cujos valores podem chegar a 4%. A maioria destes fundos ativos também cobram bônus de performance, que é descontado em relação aos resultados acima do benchmark.

Vítreo Criptomoedas

A Vitreo Criptomoedas é uma alternativa interessante para você que não sabe onde encontrar um
fundo de investimentos ativo, que possui uma participação média de 73% em bitcoins e 27% em outras altcoins.

Com um investimento mínimo de R$ 5.000,00, a empresa cobra uma taxa anual de administração de 1,5%, além de uma taxa de 20% sobre o excedente do ICE US Treasury Short Bond Index (que é o índice referente aos juros de curto prazo dos títulos públicos nos Estados Unidos).

BLP Asset

A BLP Asset é uma gestora com vasta experiência no mercado de capitais e histórico profissional em renomadas instituições financeiras. Possui três fundos disponíveis ao investidor, sendo que um deles, o Genesis Block Fund investe somente em criptoativos, buscando superar o Índice de Criptos da Bloomberg Galaxy (BGCI).

Possui taxa de administração de 2% a.a. e taxa de performance de 20% do que exceder a Libor. O fundo pode ser acessado no Brasil através do BLP Cryptoassets FIM nas corretoras Genial e Órama.

Desta maneira, se você tem interesse em investir no mundo das criptomoedas, não falta opções para investir o seu dinheiro. Além do mais, você também pode escolher entre investir diretamente nas criptomoedas ou através de fundos, diversificando, da mesma maneira, seu patrimônio nestes ativos!

Nota: Gustavo, um leitor do blog, atentou-me que corretoras de valores nos Estados Unidos já estão oferecendo a comercialização de criptomoedas, como a Passfolio. Vale acompanhar se isso será uma tendência daqui para a frente!

Explore mais o blog pelo menu no topo superior! E para me conhecer mais, você ainda pode…
assistir uma entrevista de vídeo no YouTube
ler sobre um resumo de minha história
ouvir uma entrevista em podcast ou no YouTube
participar de um papo de boteco
curtir uma live descontraída no Instagram
… ou adquirir um livro que reúne tudo que aprendi nos 20 anos da jornada à independência financeira.

E, se gostou do texto e do blog, por que não ajudar a divulgá-lo em suas redes sociais através dos botões de compartilhamento?

Artigos mais recentes:

5 3 votes
O texto foi bom para você?
Assine para receber as respostas em seu e-mail!
Notifique-me a
guest
8 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Fernando
Fernando
8 meses atrás

Também tem a opção de conta no Alter https://www.soualter.com.br/
Minha conta é nova (abri no início de janeiro), mas estou bem satisfeito pela facilidade de compra/venda

marcos carvalho
marcos carvalho
8 meses atrás

Excelente artigo. Acrescentaria ainda que quem tem acesso a investimentos no exterior pode adquirir etfs muito interessantes que investem não nas criptomoedas propriamente mas na tecnologia blockchain e empresas correlatas tais como BLCN e BLOK. Tambem voaram nos ultimos 12 meses.

Bilionário do Zero
8 meses atrás

Muito bom esse artigo André, depois das altas gigantes nas cotações, muitos pequenos investidores se interessaram pelas criptos, infelizmente é sempre assim hehe, eu acho que através dos fundos seja o ideal para nós pequenos, geralmente eu sou favorável ao investimento direto no ativo desejado, mas em virtude das características das criptomoedas, de precisar guardar as chaves e tal, muita gente não tem conhecimento de informática, quando ver estraga o HD do PC e perdeu o investimento… enfim, acho fundos mais tranquilo.

Abraços

Gustavo
Gustavo
8 meses atrás

Andre. No caso você chegou a ver na passfolio para investir em criptomoedas. Porque lá tem essa funcionalidade também.

Acompanhe:
8
0
Por que não deixar seu comentário?x
()
x