Independência financeira x desejos: o Coast FIRE

Quinze dias atrás escrevi sobre o começo da nossa viagem neste caminho da independência financeira; a lição de casa que tinha me dado era responder a simples (mas não tão simples) pergunta de qual era a nossa prioridade?

Depois de conversar com meu marido bastante e falar com as crianças (eles acabam de fazer cinco anos, mas ô, eles têm muita opinião) chegamos a um consenso: nós não queremos morar mais em São Paulo. Não odiamos a cidade; no meu caso, foi a cidade que me acolheu quando deixei meu país para vir a estudar e amo cada centímetro dela. Aqui conheci meu atual marido e nasceram meus gêmeos. As possibilidades que São Paulo oferece são inúmeras. Mas quando as crianças nasceram já tínhamos decidido que queríamos que crescessem em outro ambiente e voltamos para meu vilarejo. Spoiler alert: não deu muito certo e aqui estamos novamente. 

Relembrando tudo isso somado ao fato de as crianças terem feito 5 anos, pedido de aniversário ir para Holambra (cidade a 1:30 hs de SP que visitamos no começo do ano) ou Santos (cidade onde tem casa meus sogros) e chorarem quando voltamos dizendo que não queriam morar mais aqui, nos fez colocar como prioridade número um a busca de uma cidade menor na qual eles pudessem crescer mais livres e nós consigamos trabalhar. A prioridade como vocês veem, inclui uma lista de decisões e ações muito importantes. 

A pergunta é como conseguimos tudo isso. 

Estudando as possibilidades

Independentemente de quais são as suas prioridades, estudar as possibilidades reais de atingir sua meta é necessário. Por exemplo, morar em Holambra seria fantástico e a cidade tem casas MARAVILHOSAS das quais gostamos muito por uns R$600.000 reais. Mas podemos realmente comprar uma casa dessas? Não, não é muito provável que consigamos pagar algo assim nem hoje nem amanhã nem em uns anos pois estaríamos trabalhando exclusivamente para estar endividados quase sempre sem poder desfrutar da casa tão sonhada.

No entanto podemos encontrar casas menores em lugares também muito bons (inclusive algum que outro local mais simples) por até 2000 reais de aluguel. Hoje não podemos pagar isto, mas é muito provável que possamos no futuro se nos planejamos corretamente e o mais importante: não precisaremos solicitar um empréstimo para comprar uma casa que talvez não nos atenda mais em dez anos

Contrapor realidade vs desejo é essencial; não digo que deixemos de sonhar, mas se vamos fazê-lo, que seja com os pés na terra. Caso contrário, estaremos sempre pensando nesse futuro que não chega e enquanto isso, a vida irá passando. Por esse motivo acho importante ser objetivo e realista na hora de planejar o futuro e se perguntar seriamente: 

  • O que eu desejo para meu futuro? 
  • O quanto desse desejo é possível e quanto dele é irreal/pouco provável? 
  • O que me aproxima a isso que eu desejo?
  • Quais são os passos a seguir para atingir aquilo que eu posso? 
Independência financeira x desejos: o Coast FIRE 1
Desejos são necessários, mas quem fala sempre mais alto é a realidade.

Tem muita conversa de “o céu é o limite”. E é lindo pensar assim. Mas não é de autoajuda que precisamos para mudar nossas vidas senão de pé no chão, estudo e planejamento. 

Meu desejo é ser FIRE e ter a minha independência financeira em dez anos. Adoraria isso, mas estudando e vendo como é a nossa dinâmica familiar não acho que seja possível. Tal vez em 18 anos, quando estiver com 60 que é a idade aproximada na qual vou me aposentar. Eu realmente não acredito que possa parar de trabalhar antes disso. E lendo o blog Viver sem Pressa da Yuka, outra pessoa do mundo FIRE que muitos já devem conhecer, aprendi que existe um outro caminho: o Coast FIRE.

E o próximo passo começa a ser dado…

O que é o Coast FIRE? 

Coast FIRE é atingir uma quantidade X de dinheiro que ficará aumentando (graças aos juros compostos) ao longo dos anos que faltam para você se aposentar. Não significa parar de trabalhar durante esse tempo; você terá que pagar suas contas e se ainda não atingiu esse valor inicial, continuar contribuindo e investindo. O que o Coast FIRE busca é que você tenha uma aposentadoria tranquila com o dinheiro que investiu, não que você pare de trabalhar antes de se aposentar. 

"Coast Fire" é um caminho para a independência financeira?
O Coast FIRE significa equilíbrio entre realidade e desejo. Contrapor ambos é essencial para se planejar.

Hoje eu estou aprendendo de investimentos. Então, o máximo que eu fiz foi colocar um dinheiro no Tesouro Direto e no RDB do Nubank. Ou seja, não estou me arriscando pois ainda estou entendendo como funcionam as coisas. Segundo as contas que eu fiz utilizando uma calculadora Coast FIRE, hoje eu precisaria ter aproximadamente R$600.000 para que os juros compostos fizessem sua mágica e em vinte anos ter um valor que me permitisse ter as minhas necessidades mensais cobertas a uma taxa de retirada de 4%.

Eu precisaria tudo isso hoje pois meus investimentos não são nem um pouco arriscados. Claramente não tenho esse valor, mas já o horizonte fica mais claro e mais tranquilo sem a pressão de ter que ser FIRE em dez anos. 

Hoje essa é a minha possibilidade real: ser Coast FIRE

Em resumo, cada pessoa sabe aquilo que está dentro das suas possibilidades reais e como estas se alinham com seus desejos. Pode que no nosso caso não consigamos ser FIRE ou morar nessas casas lindas que vimos em Holambra: mas tenham certeza de que nos aproximaremos o quanto pudermos a essas metas.

A partir do final de março de 2020, esse blog passou a ter mais de um autor. Seu nome aparece sempre abaixo do título da postagem. Cuidado para não fazer confusão 🙂
Veja a nova ideia editorial e acesse seus perfis nessa página.

Últimas postagens

5 3 votes
O texto foi bom para você?
Assine para receber as respostas em seu e-mail!
Notifique-me a
guest
10 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
TR
1 dia atrás

Excelente texto e reflexão Mona, na minha realidade atual eu diria que estou na categoria de Coast FIRE, pois acumulei algo legalzinho, não é muito mas é o suficiente para mim, e agora já selei o caixão e o que está lá é pra aposentadoria. Daí a vida atual levo com meu trabalho e pra mim isso está dando certo.

João Paulo
João Paulo
2 dias atrás

Eu vejo o movimento (filosofia) FIRE mais como um movimento de liberdade: financeira, mental, social e etc do que ter uma quantidade de grana e viver dela.

Voando Abaixo do Radar
4 dias atrás

Olá Muna, bom dia

Parabéns por ter os pés no chão e a mente nas estrelas.

Ainda fico maravilhado com a filosofia FIRE e a grande variedade de estilos: CoastFire, BaristaFire, LeanFire, FatFire, dentre outros. E o CoastFire é realmente uma boa opção, para nossa realidade.

Conforme comentado pelo VVI e Lucas, o primeiro passo foi dado e vocês saíram da inércia. Agora é estruturar o plano e coloca-lo em pratica.

Abraços,

Lucas
Lucas
5 dias atrás

Adorei esta parte. Mostra o quao consciente sao e o que é prioridade realmente. PArabens:
 Não, não é muito provável que consigamos pagar algo assim nem hoje nem amanhã nem em uns anos pois estaríamos trabalhando exclusivamente para estar endividados quase sempre sem poder desfrutar da casa tão sonhada.”

VVI
5 dias atrás

Boa tarde Mina! Tudo bom? Sair dos grandes centros tb é um sonho pra mim e minha esposa, mas infelizmente precisamos de dinheiro e é nestes centros em que os empregos são mais fartos (e os nossos atuais). Só moro onde moro devido ao meu trabalho e da esposa e apesar de querer muito ir morar em uma cidade menor, só largando bons empregos (meta do FIRE). Você e seu marido tem facilidade em trabalhar de qualquer cidade? No mais qualquer grande plano começa pequeno… parabéns pela coragem de sair da inércia e continue assim…você está no caminho certo. Grande… Leia mais »

Anônimo
Anônimo
Reply to  VVI
2 dias atrás

OI, VVI! Respondendo a sua pergunta, sim e não. Sendo professora de inglês e espanhol tenho chance de trabalhar online e presencial. Meu marido já trabalha com impressão 3D faz vinte anos e fica mais difícil pois é muito específico o que ele faz. De qualquer jeito, uma das coisas que estamos planejando é tentar organizar o trabalho de forma remota ou com presencialidade mínima. Isto é, se formos mudar para Holambra por dizer uma cidade, poder vir para SP algumas vezes no mês para resolver diferentes assuntos. Como disse no post, precisamos de planejamento e tomar decisões sobre os… Leia mais »

Acompanhe:
10
0
Por que não deixar seu comentário?x
()
x