Energia solar: uma aliada à independência financeira?

Olá pessoal! Mais uma vez, estou dando espaço no blog para um assunto atual que entendo pouco: energia solar.
O convidado dessa semana é o Alexandre Nascimento, criador do site Império Solar, que escreveu um texto associando os benefícios do uso da energia solar com a independência financeira. Veja se concorda com seus pontos.
Ah: aproveito para comentar que, apesar dos equipamentos de instalação de energia solar ser o negócio do Alexandre, não estou recebendo nada pelos links ao seu site, bem como pela contratação de seus serviços, até porque não os conheço.
O intuito do texto no blog é, principalmente, exercitar novas ideias para tomarmos as melhores decisões no futuro.
🙂

À medida que avançamos em nossas vidas, começamos a pensar nas coisas que gostaríamos de fazer e em como passaremos os dias futuro. Não por acaso, muitas coisas são esquecidas ou até mesmo inocentemente ignoradas.

Poucos chegarão à tão esperada independência financeira e uma vida mais tranquila a frente. A maioria fica pelo caminho, ainda dependendo do famigerado e indispensável emprego, seja ele em uma corporação ou como empreendedor. O processo é lento, de muita resiliência, disciplina e principalmente, de profundo conhecimento.

Suas vidas profissionais por vezes são extremamente intensas, estressantes e algumas vezes fúnebres, levando à ”sensação” de falta de tempo para praticamente tudo, do que realmente é importante para suas vidas.

Painéis solares no telhado de casa

Uma alternativa fora do radar

Quando chegamos a tão sonhada independência financeira, pensamos… “e agora, o que vou fazer?” Como vai ser daqui para a frente?

Alguns podem simplesmente desacelerar e passar mais tempo em sua residência com suas famílias e entes queridos. Outros preferem estar no campo, seja em uma chácara, sítio ou fazenda. Resumindo, vivenciando o que a vida e seu trabalho duro, durante anos, proporcionaram a ele. Os mais aventureiros, estarão pelo mundo, conhecendo tudo o que ele tem a oferecer de melhor.

São muitas as opções, mas uma coisa é certa: você deveria ter pensado e refletido nisso antes de checar nesse ponto. Pois, o futuro também pode ser desastroso. A sua tranquilidade, pode ter chegado de forma não tão “robusta”. Sua liberdade não deveria combinar com escassez, mas sim com tranquilidade e segurança financeira.

Fazer o exercício de pensar nos ajustes financeiros significativos no presente significa explorar oportunidades de investimentos e ir além de uma boa carteira de investimentos, auxiliando a jornada para sua liberdade financeira.

Dentro de uma carteira de investimentos, você deve considerar, por exemplo, o investimento em energia solar. Ter um sistema fotovoltaico solar em casa pode beneficiá-lo muito mais do que imagina. É um dos investimentos com risco praticamente zero, e podem oferecer um retorno de até 25% ao ano, o que obviamente não pode passar despercebido, pois ajudará você a ter mais confiança e robustez em sua jornada.

Investindo na energia solar

À medida que a mudança da rotina diária fica presente na independência financeira, é muito provável que você passe mais tempo, no conforto de sua casa.

Portanto, espera-se que se use muito mais energia elétrica do que se usava anteriormente, o que pode levar a um aumento significativo na conta mensal. Lembre-se: a energia elétrica, é algo que você vai usar durante toda a sua existência nesse mundo, e tenha em mente, ela é, para todos nós, uma grande vilã, no que se diz respeito a custos.

A energia elétrica não é uma “commodity”, mas no Brasil há esse viés. Governantes e concessionárias sabem o quanto ela é essencial para todos, portanto sempre usarão esse recurso conforme seus interesses, sejam eles políticos ou não. Dessa forma, você sempre estará exposto aos mais impressionantes artifícios, como por exemplo, bandeiras tarifárias, financiamento de concessionárias, novos impostos etc.

Consideramos também, que mais conforto, de um modo geral, consome mais energia elétrica, seja pelo Home Theater de última geração, pela simples lava-louça, pela automação da residência ou mesmo um aparelho de ar condicionado.

Mais tempo em casa, se traduz em mais opções de fazer o que realmente sempre se desejou e mais custos. Como exemplo, você pode virar aquele Master Chef, mas lembre-se, a cozinha usa muita energia elétrica.

Durante esses tempos, a energia solar é um investimento valioso que pode e deve ser usado para apoiar sua jornada de várias maneiras. Comece a usufruir de tudo o que a tecnologia pode oferecer a você: ela já é possível e será fundamental nas casas inteligentes do futuro.

Independência financeira e energética

Reduzir contas de energia elétrica

Estar em casa por longos períodos de tempo significa que você usará seus aparelhos com mais frequência. Você não quer que sua fase gloriosa de FIRE seja de economia, não? Assim, faça a energia solar trabalhar a seu favor.

Com os preços da energia elétrica, já assustadoramente altos, pode-se rapidamente tornar-se difícil cobrir os custos de suas contas mensais com o aumento do consumo, o seu “novo normal”.

Durante o dia, qualquer eletricidade que você consuma nesse período será coberta pelo seu sistema solar. O restante será todo depositado em sua “conta corrente” na concessionária, para ser usada durante a noite ou em períodos onde nosso glorioso sol, não brilha tão intensamente, como condições de chuva ou nuvens intensas.

Há no mercado uma ideia equivocada, de que o painel solar funciona somente com “sol”. Obviamente parte disso é verdade, mas não totalmente: os painéis em geral, tem um comportamento diferente durante dias chuvosos ou nublados, mas ainda podem armazenar energia. Em dias frios e ensolarados, o painel solar funciona ainda melhor.

Investimento

O custo inicial de um sistema solar pode parecer salgado para alguns que pensam em ser um maior consumidor de energia elétrica no futuro. Mas é possível que esse investimento possa ser extremamente útil quando estiver gozando sua aposentadoria antecipada.

No entanto, os benefícios no médio prazo são significativos: você pode aumentar seu consumo tranquilamente, sem a dependência das concessionárias de energia, apenas produzindo energia suficiente a partir de seu sistema.

Consequentemente, quanto maior é o seu consumo médio, menos tempo levará para que sua economia cubra o custo do investimento seu sistema, também conhecido como seu retorno/período do investimento (PayBack).

Um período de retorno mais curto significa que você embolsará as economias que seu sistema gera mais rapidamente, resultando, após algum tempo, em lucro perpétuo. Os períodos médios de retorno podem ser entre apenas 2 e até 5 anos.

E, se optar por financiar seu sistema, o pagamento da sua conta mensal é praticamente o mesmo valor da parcela do financiamento.

Não há necessidade de “economias”, se você dimensionar bem o sistema

Muitas das dicas de economia de energia incentivadas por vários sites e órgãos governamentais de energia a reduzir os custos de eletricidade podem ser interessantes, para quem é capaz de executá-las.

No entanto, há partes de nossa cultura, que não conseguem aceitar algumas dessas sugestões. E em nossa singela opinião, pessoas que pensam diferentes não estão erradas. Elas preferem viver de forma mais livre no sentido de não ter preocupações de consumo, como apagar as luzes ao sair do ambiente, não ligar o ar condicionado, diminuir o tempo daquele banho agradável, etc.

Nossa intenção verdadeiramente, não é transformá-lo em um “gastador” nato, mas sim uma pessoa consciente de suas obrigações com o planeta, pelo motivo de utilizar fontes limpas e renováveis para VIVER PLENAMENTE sua independência financeira, conquistada com tanto suor.

A energia solar fornece um grande suporte em sua jornada e uma tranquilidade adicional, para todos que, por exemplo, gostariam de manter o “ar condicionado sempre ligado”. Em outras palavras, esfriar quando o dia esta quente ou aquecer quando o dia esta frio, sem se preocupar com o quanto isso lhes custará.

Para os recém casados e os futuras mamães/papais, onde prevê-se um aumento do consumo de energia elétrica na família, a geração de energia solar pode ser decisiva no futuro financeiro do casal.  

Independência de energia - a energia solar

Valorização do patrimônio

Outra maneira de avaliar a energia solar como investimento, é como ela agrega muito em valor financeiro a sua propriedade, caso possua imóvel próprio. Estudos mostram que o número de painéis solares instalados, afetam positivamente, quanto o valor e interesse pela sua propriedade.

Quanto mais painéis solares houver, maior será o valor da sua propriedade. De fato, uma instalação de simples 5kWp’s pode aumentar o valor de da sua casa em 15%. Para fins de cálculos simples, pode-se dizer que 1 kWp equivale a 1 kWh, que é a medida base usada pelas concessionárias na sua conta de energia elétrica. Portanto, 5kWp de potência do sistema, pode gerar por 1 hora, 5000 Wh ou simplesmente 5 kWh. Esses são valores de pico (kWp=kilowatt pico), considere a geração mensal média de 522 kWh, durante um ano.

Seguindo, 522 * 0,721276 (Valor aprox. kWh para SP-Capital com Impostos) = R$ 376,00. Esse é um valor apenas de referência, e necessita cálculos mais apurados em função dos equipamentos instalados, apontamento do telhado, possíveis sombras, entre outras coisas.

Será uma propriedade “isenta” de cobranças de energia elétrica e todos os pormenores ligados a isso, como regulamentações do governo, aumento de tarifas, bandeiras tarifárias, cortes e etc.

E se você planeja vender sua casa, a instalação de uma solução solar fotovoltaica pode aumentar a liquidez de forma significante, acelerando o processo de venda. Isso ocorre porque os brasileiros estão começando a entender o valor da energia solar na redução de custos, e que, consequentemente, leva-o a usufruir de todo o conforto da energia elétrica, sem incrementar o fluxo de renda dos investimentos para tal despesa. 

Se a sua intenção ainda é locar o imóvel, essa condição também é fortuita, pois o sistema solar em si, quase não dá manutenção. Os riscos em o locatário/inquilino danificar o equipamento são mínimos. Além disso, você pode cobrar um valor maior do que o convencional (o inquilino não pagará energia elétrica), e ainda ter uma procura significativa pelo imóvel.

Contratempos e conclusão

Durante a pandemia, em todas as áreas houveram diversas medidas, em muitos casos, desesperadas, sem qualquer análise preliminar, de riscos, impactos etc. Afinal, estamos vivenciando algo completamente atípico de nossa realidade moderna.

O governo de um modo geral, tentou “ajudar”, criando regras para que as concessionárias não cobrassem as contas de energia durante o período de pandemia. Porém, tal medida é apenas uma pequena trégua, para então voltar a cobrar tudo o que ficou pra trás, devidamente atualizados com juros e correções. Podem esperar uma compensação.

Portanto, nunca é cedo, nem tarde para instalar um sistema de energia solar em sua casa. Experimente os benefícios da energia solar nos seus anos gloriosos. Esse guia pode ajudá-lo a aprofundar-se mais nesse tema. Temos certeza de que, no futuro, você terá um investimento pago e rendendo ao seu favor para conquistar, mais rapidamente, sua independência financeira.

Explore mais o blog pelo menu no topo superior!…
Para me conhecer mais, você ainda pode… ler sobre um resumo de minha história, ouvir uma entrevista em podcast, assistir uma live no Instagram, ou adquirir um livro que reúne tudo que aprendi nos 20 anos da jornada à independência financeira.

E, se gostou do texto e do blog, por que não ajudar a divulgá-lo em suas redes sociais através dos botões de compartilhamento?

Artigos mais recentes:

5 4 votes
O texto foi bom para você?
Assine para receber as respostas em seu e-mail!
Notifique-me a
guest
13 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ricardo Rossignatti
Ricardo Rossignatti
3 meses atrás

Boa Tarde, existe dois paybacks,o teórico e o prático. No teórico tudo funciona perfeitamente nada da defeito nenhuma peça quebra. Mas a pratica é bem diferente, placas tricam com a chuva de granizo, o inversor de energia queimam e tem garantia bem menor que o tempo de retorno do payback. Se queimar o inversor fora da garantia seu payback teórico já não vale mais. Todo ano tem que subir no telhado para limpeza das placas, se não o rendimento despenca. Fora se um prestador de serviço de serviço cair do telhado e sofrer acidente, o dono do imóvel é co-responsável… Leia mais »

Alexandre Nascimento
Reply to  Ricardo Rossignatti
3 meses atrás

Olá Ricardo, Espero que esteja bem, vou tentar explanar brevemente, alguns dos excelentes pontos levantados por você. Vamos lá, sobre os paybacks você esta certo, mas há algumas ressalvas, atualmente as soluções solares evoluíram muito, mas no Brasil ainda temos “culturalmente” a prática pelo preço acima de tudo, onde o que mais importa na grande maioria dos casos é o absolutamente o preço. Cito, um exemplo, que é o com o que trabalhamos, um equipamento chamado Micro Inversor, um grande salto em direção a modernidade, os micros inversores têm garantia média de 12 anos, podendo ser expandido facilmente para 25… Leia mais »

Mente Investidora
3 meses atrás

Parabéns pelo post. Tenho o sistema há quase 10 anos e estou muito satisfeito. A economia é real. Apesar do investimento mais alto no início, em pouco tempo, você começará a ver o retorno. Lembrando de quando adquiri, o preço era mais alto. Hoje, por causa de sua disseminação, os valores caíram. Mesmo sendo os equipamentos de origem estrangeira, ficando sujeitos à variação cambial, hoje, é possível contrair empréstimo para sua aquisição. Desde que implantei o sistema, pago a tarifa mínima da companhia energética (porque sou obrigado). Se não, nem precisaria pagar. Há também o aspecto de benefício ao meio… Leia mais »

Alexandre Nascimento
Reply to  Mente Investidora
3 meses atrás

Olá Mente Investidora, Legal que você já seja um felizardo usuário da solução, veja que a tecnologia avançou muitíssimo desde quando você iniciou com o seu, infelizmente nunca há um momento certo para instalar, o que sabemos é que você tem que instalar. Como exemplo, atualmente a eficiência e durabilidade das soluções são muito mais atraentes que a 5 anos atrás. Interessante o ponto sobre a incidência solar, na verdade, o Brasil é um dos países com MAIOR incidência solar do MUNDO. A Alemanha como você citou, realmente tem uma péssima incidência solar. O sistema “On Grid” de fato, é… Leia mais »

Danilo
Danilo
3 meses atrás

Muito bom o post. Tenho percebido, aqui na minha região que por sinal faz um calor violento com um sol muito intenso praticamente o ano inteiro, um aumento na procura por essa alternativa. Um colega, que colocou em sua casa, me disse que estava muito satisfeito com o investimento, porém preocupado porque havia ouvido rumores de uma possível tributação por parte do Estado. Não sei até que ponto isso é verdade ou como seria essa cobrança, mas não descarto a ideia, caso haja um aumento significativo por essa opção e consequentemente a diminuição dos lucros das concessionárias de energia elétrica.… Leia mais »

Alexandre Nascimento
Reply to  Danilo
3 meses atrás

Olá Danilo, Apenas esclarecendo alguns de seus pontos, em relação ao calor, não é bem assim, na verdade, os painéis solares trabalham melhor com muito sol e pouco calor, quanto mais frio estiver, melhor ele funciona. Mais isso, não é tão relevante assim. Há também outras características a considerar, que pouco são consideradas, hoje pelos fornecedores no Brasil. Em relação aos lucros da concessionarias, não é bem assim, o tema é um pouco mais complexo. Muito resumidamente, atualmente, concessionarias não têm como atender o crescimento previsto para o Brasil, consequentemente precisam de nós, consumidores, pois a grande sacada, é vender… Leia mais »

Danilo
Danilo
Reply to  Alexandre Nascimento
3 meses atrás

Ola! Alexandre. Obridado pelo feedback.

Abraço!

Anônimo
Anônimo
3 meses atrás

Já fiz dois posts sobre energia solar no blog sempre achei fantástico, principalmente o ponto de parar de alimentar o governo com impostos, https://soldadodomilhao.blogspot.com/2017/03/energia-se-livrando-de-um-passivo-ii.html Essa semana com a noticia que o governo tirou boa parte dos impostos cotei de novo, apesar do Dollar ficou mais barato que nas ultimas vezes que cotei era 51k em 2016 passou ora 38k em 2017 e agora consegui por 28k.. Só estou esperando liberar o financiamento pra pegar esse dinheiro “GRÁTIS” pois as taxas estão bem atrativas.

Alexandre Nascimento
Reply to  Anônimo
3 meses atrás

Olá Soldado do Milhão,

Excelente seu ponto de vista. Apenas se assegure que esta adquirindo bons equipamentos, condizentes com seu perfil. Há muitas opções de painéis e inversores / micro inversores. Nós seguimos uma linha mais atual, que é a dos micro inversores, muito mais eficientes, atuais e com garantias muito mais atrativas, começando em 12 anos.

Não deixe de olhar mais adiante também! Pois, além de uma economia imediata, a energia solar, pode oferecer muitas outras comodidades.

Abraços,

Acompanhe:
13
0
Por que não deixar seu comentário?x
()
x